Rede Globo altera seu Logo para um design minimalista?

redeglobonovoA Evolução do logotipo da Rede Globo tem inundado páginas e mais páginas da Web. Cada vez que a emissora anuncia uma alteração surgem, literalmente, dezenas de milhares de sites discutindo o assunto. Este ano, no entanto há uma mudança na utilização do logo que  não foi muito divulgada. A Exemplo de grandes empresas pelo mundo que estão utilizando marcas chapadas, em cores sólidas, sem relevos, sombras ou texturas, a Rede Globo está veiculando, anúncios institucionais em que a assinatura é o logo chapado. Utilizado em diversas cores sólidas (azul ou violeta, por exemplo, e, em alguns casos, laranja com uma leve transparência ou com um degradé quase imperceptível), o novo logo acompanha a tendência dos ícones utilizados no novo iOS da Apple e dos aplicativos e programas do Google que utilizam essa técnica.

Interessante lembrar que a Rede Globo já teve um logotipo simples, sem texturas ou relevos, antes da época Hans Donner, A cor era preta e o logotipo acompanhava toda a programação.

Com o advento da computação gráfica o mundo representado em uma TV no mundo (sim, é isso que significa o famoso logo: Um mundo com um televisor mostrando o mundo), o logo passo a usar e abusar de efeitos gráficos, de cores, texturas e relevos.

Veja a seguir a imagem utilizada pela rede na plataforma Google+:

Para o professor Bruno César, especialista em branding, “O minimalismo da Globo (e outros logos) serve para manter as linhas da identidade visual em questão, deixando de lado, para cada suporte ou grid, a sua devida adaptação. A intenção é criar uma camada indelével, porém sutil. Isso é fruto dos produtos “transmedia”, que temos cada vez mais presentes em nosso cotidiano”.

Ao que tudo indica, há tempos a Rede Globo está tentando uma padronização de comunicação entre meios. Para Bruno César, “,,,há uma tentativa (em processo, desde 1998) da Globo em unificar as plataformas de conteúdo geridos por ela, bem como os diferentes produtos neles veiculados. Contudo, após 2003, isso virou imperativo, na tentativa de juntar entretenimento-jornalismo-dramaturgia.”

Cauê Andrade, publicitário, explica que “Essa tendência do Flat Design está cada vez maior, o minimalismo hoje é o mais elegante, até mesmo as discussões na internet sobre Flat x Realismo está bem grande! Podem perceber as cores, as cores Flat para aplicações mobile/desktop estão ficando cada vez mais pastosas, em uma paleta flat ao invés do preto você usa cinza escuro…”

O publicitário explica que o verdadeiro motivo dessas tendências deve estar no entrelacamento do User Experienc (UX) com a User Interface (UI): “O Design Thinking esta bastante atrelado ao UX/UI, acreditoque o motivo maior disso tudo é mesmo a experiência do usuário, que pela pesquisa feita descobriram que o usuário não vibra mais tanto quanto vibrava antes em ver aquelas cores megalomaníacas na frente da tv/internet o simples é fácil de entender é um auto explicativo, você não precisa fazer um estudo para descobrir o que aquilo ou isso significa.

Manuel Lemos, uma das maiores autoridades em PHP, afirma que essa tendência está, sim, se desenvolvendo no mundo da tecnologia, para o perito, “sim o Design Thinking propõe que você não apenas resolva os problemas do usuário que você sabe que tem, mas também os problemas que o usuário tem e por vezes nem o usuário se apercebeu. Ou seja, vai precisar inovar. Ao inovar atendendo melhor as necessidades do usuário vai conquistar a sua simpatia e preferência, e passar uma imagem de maior profissionalismo”.

Até agora ninguém confirmou nada, mas é visível a utilização do logo em diversas vinhetas e anúncios corporativos na própria emissora.

O logo a seguir foi reproduzido da Página do Facebook da emissora:

Rede Globo

Crédito das imagens: Google+ e Facebook

 

Provavelmente, a emissora utilizará cores diferentes para os diversos segmentos de sua programação. Basta esperar para confirmar.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.